Cirurgia Plástica Vaginal

Com muito mais freqüência do que se imagina, existem mulheres que sentem-se incomodadas com sua aparência íntima. Entre os motivos mais comuns estão o excesso de tamanho dos pequenos lábios vaginais. Além disto, existem mulheres que se queixam de alargamento das paredes vaginais. Atualmente o assunto deixou de ser tabu e a cirurgia da intimidade ganha espaço no meio médico. Sua procura aumentou nos últimos anos porque as mulheres querem acabar de vez com os traumas e ter uma vida sexual mais saudável e feliz. É importante que a mulher tenha em mente que um dos fatores mais importantes para uma boa vida sexual é que ela esteja bem consigo mesma, fisicamente e psicologicamente. Em busca desta perfeição estética muitas mulheres têm procurado os consultórios ginecológicos para se informar sobre a cirurgia íntima. Os lábios vaginais podem atrapalhar o ato sexual. Para quem não tem o problema, isso pode parecer frescura. Mas, se a mulher tem vergonha da aparência de seu órgão genital, não há nada que a faça sentir-se à vontade na sua intimidade. Normalmente, a causa da hipertrofia dos pequenos lábios é genética (hereditária) ou congênita. Todavia, existe uma patologia adquirida pelo uso indiscriminado e contínuo de anabolizantes. Esses hormônios podem ser responsáveis pelo aparecimento de pêlos fora das áreas normais e aumento irreversível do clitóris e dos pequenos lábios vaginais. É comum as mulheres conviverem a vida inteira com a hipertrofia dos pequenos lábios sem saber que podem se livrar do problema e de todo o seu constrangimento com uma simples cirurgia plástica. Em alguns casos, eles são tão salientes que impedem a mulher de usar calças muito justas e biquínis. Além disso, atrapalham o ato e o prazer sexual.

  

Pequenos Lábios: A cirurgia de redução dos pequenos lábios é simples, na qual é retirado o excesso de tecido, restaurando um aspecto estético e natural.

  

 

Alargamento Vaginal: Em geral, as mulheres que tiveram parto normal e aquelas com mais idade costumam apresentar esse problema. A correção é feita através da retirada de mucosa e fechamento dos músculos (perineoplastia).

Mais recentemente lançamos mão do laser para realizar o estreitamento vaginal, sem necessidade de cirurgia.

 

 

Escolha um horário e marque sua consulta.
Marcar consulta